Cachoeira registra março com mais mortes do que nascimentos

Os registros oficiais de nascimentos e óbitos em Cachoeira do Sul no mês de março mostram o impacto da pandemia de Covid. Além do total de mortes superior, foi o maior número de falecimentos desde o começo do levantamento no sistema de transparência de Registro Civil. Conforme a apuração, 100 óbitos foram registrados no período. […]

abr 13, 2021

Os registros oficiais de nascimentos e óbitos em Cachoeira do Sul no mês de março mostram o impacto da pandemia de Covid. Além do total de mortes superior, foi o maior número de falecimentos desde o começo do levantamento no sistema de transparência de Registro Civil.

Conforme a apuração, 100 óbitos foram registrados no período. As planilhas ainda indicam a somatória de 79 nascimentos. No mesmo período de 2020, a ordem seguiu a normalidade dos dados e foi inversa ao verificado agora: 74 nascimentos e 59 óbitos. Ou seja, um aumento de 69,5% na comparação entre março de 2021 – quando Cachoeira do Sul teve 39 mortes por complicações com a Covid – e março do ano passado.

Em abril, Cachoeira do Sul já registrou 11 óbitos por complicações com a Covid, de acordo com dados da Secretaria Municipal da Saúde. O Hospital de Caridade e Beneficência (HCB) confirmou mais um óbito por complicações com a Covid em Cachoeira do Sul. A vítima foi um homem de 76 anos. Foi a 90ª morte na pandemia do coronavírus.