Soldado da Brigada Militar salva bebê engasgada em Passa Sete

Segundo o Capitão Mori, o bom preparo da soldado Luíse resultou no êxito durante a ocorrência, sendo que a manobra de Heimlich aplicada no socorro, foi fundamental para o salvamento da bebê Isabele A ação de uma policial militar salvou a vida de uma bebê de apenas 9 dias no município de Passa Sete – […]

abr 10, 2021

Segundo o Capitão Mori, o bom preparo da soldado Luíse resultou no êxito durante a ocorrência, sendo que a manobra de Heimlich aplicada no socorro, foi fundamental para o salvamento da bebê Isabele

A ação de uma policial militar salvou a vida de uma bebê de apenas 9 dias no município de Passa Sete – RS. O fato foi registrado no dia 4 de março. Conforme a mãe Raquel da Rosa, ela amamentava a pequena Isabele quando percebeu que sua filha se engasgou com o  leite materno. Procedimentos foram feitos em casa, porém a menina não reagiu. A mãe e o pai da bebê lembraram que o posto de saúde do município estava fechado, e se deslocaram imediatamente o grupamento da Brigada Militar de Passa Sete para pedir ajuda. No local, a criança recebeu os primeiros socorros pelas mãos do soldado Luíse Arrial. Após manobras de reanimação, a bebê demonstrou sinais vitais, porém continuou engasgada.

Rapidamente, pegaram a viatura da Brigada e se deslocacam para um hospital de Sobradinho, Durante o percurso, continuaram fazendo manobras de primeiros socorros até a chegada na casa de saúde, onde a equipe médica com auxílio de aparelhos desobstruiu as vias aéreas da bebê.    

Segundo a soldado Luíse, foi necessário manter a calma durante o atendimento, pois estava em suas mãos uma bebê de apenas nove dias. Apesar da ação ter sido rápida, precisou ser delicada.  A soldado aprendeu os procedimentos de primeiros socorros durante o curso de formação de soldados na cidade de Rio Pardo, onde foi formada.

Na tarde desta sexta-feira (09), a mãe com a bebê estiveram na Brigada Militar de Passa Sete para agradecer a soldado. Estiveram ainda presentes o comandante do segundo pelotão Tenente Alvoni Rathke e o Capitão Ricardo Mori, comandante da 5ª Cia da Brigada Militar. Os oficiais reconheceram e parabenizaram a soldado pelo atendimento prestado.

Segundo o Capitão, o bom preparo da soldado Luíse resultou no êxito durante a ocorrência, sendo que a manobra de Heimlich aplicada no socorro, foi fundamental para o salvamento da bebê Isabele. Mori lembrou ainda que em agosto de 2020, ocorrência semelhante ocorreu no município de Sobradinho, onde uma guarnição da Brigada Militar também  salvou uma bebê recém nascida que estava engasgada com leite materno.

A Soldado Luíse Arrial é filha do Sargento da Brigada Militar Rogênio de Arrial, comandante do Grupamento de Passa Sete.